Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Banner > Arrecadação bate recorde e é elogiada pelo Legislativo
Início do conteúdo da página

Arrecadação bate recorde e é elogiada pelo Legislativo

Publicado: Terça, 14 de Setembro de 2021, 20h22 | Última atualização em Terça, 14 de Setembro de 2021, 20h22 | Acessos: 422
imagem sem descrição.

O aumento na arrecadação do município de Itaguaí foi destaque durante a 36ª Sessão Ordinária, realizada na tarde desta terça-feira (14). O momento teve a presença do secretário municipal de Fazenda, João José de Almeida Neto, que foi convidado pelo presidente Gil Torres (PSL) para adentrar ao plenário e ao final dos trabalhos legislativos posou para uma foto com todos os vereadores.

A única ausência foi do vereador Haroldo Jesus (PV), justificada por motivo de saúde.

Ao final da votação das matérias constantes na Ordem do Dia os vereadores Fabinho (PL), Vinicius Alves (Republicanos), Sandro da Hermínio (PP) e o presidente Gil Torres fizeram pronunciamentos parabenizando o secretário de Fazenda, sua equipe e ao Prefeito Rubão pelo trabalho que tem possibilitado ao município de Itaguaí ter um crescimento na arrecadação mesmo em meio a uma crise global com a pandemia do novo coronavirus. 

O vereador Fabinho parabenizou o árduo trabalho da pasta e manifestou seu prazer em receber o secretário municipal, destacando o quanto é benéfico para o município a proximidade entre secretários municipais e vereadores.

– Quero parabenizar o belíssimo trabalho do senhor e dizer que pode contar sempre com esta Casa e com todos os vereadores – discursou o 1º Secretário se dirigindo ao visitante.

O vice-presidente Vinicius Alves parabenizou o secretário municipal e sua equipe pelo recorde de arrecadação do município.

– Itaguaí tem 203 anos e nunca na história se arrecadou tanto. O senhor e sua  equipe estão de parabéns! Muito obrigada pelo excelente trabalho – agradeceu o edil.

O 2º Secretário, vereador Sandro da Hermínio, agradeceu a presença do secretário municipal de Fazenda e lembrou que teve a honra de dedicar a ele um Título de Cidadão Itaguaiense. Sandro parabenizou e enfatizou a dedicação do Sr. João José ao município de Itaguaí.

O presidente Gil Torres parabenizou o secretário de Fazenda e sua equipe por, mesmo em meio a um momento mundial crítico, ter feito a arrecadação municipal crescer e o município de Itaguaí se destacar.

– Nós temos que elogiar quando merece. Parabéns, secretário! Quero parabenizar também ao prefeito Rubão, que dá condições para que possa ser realizado um belíssimo trabalho. Quero parabenizar sua capacidade técnica como secretário de Fazenda que, em plena pandemia, a secretaria aumentou a arrecadação em quase 50% em todos os meses – declarou o chefe do Poder Legislativo destacando que notícias boas como essa trazem a esperança de que dias melhores virão.

Gil finalizou sua fala explicando a diferença entre as prerrogativas do Poder Legislativo e do Poder Executivo. O chefe do Legislativo destacou que cabe aos vereadores recolher demandas, encaminhar ao Executivo e cobrar o andamento delas, respeitando o tempo necessário para a realização, mas que quem executa projetos é o Poder Executivo.

Itaguaí sediará etapa Estadual de mountain bike

Em sua fala, o vereador Sandro da Hermínio comentou sobre o evento de mountain bike que será realizado na cidade de Itaguaí no dia 05 de outubro.

– Itaguaí entra pela primeira vez na etapa estadual de mountain bike. É um marco para a nossa cidade! A Secretaria Municipal de Turismo e Esporte nos abraçou, o secretário de licitação, o prefeito comprou a ideia. Itaguaí começa a dar o primeiro passo no ciclismo estadual e vamos chegar até as etapas federais. Temos um dos melhores pontos de mountain bike do Estado do Rio de Janeiro, que é a Serra do Matoso. Isso é patrimônio nosso, é patrimônio de vocês, itaguaienses, e nós vamos fazer um marco! – discursou o vereador destacando que o ciclismo não para de crescer porque traz qualidade de vida e união.

Ordem do Dia

Foi aprovado em Discussão Final o Projeto de Lei nº 3.962, que dispõe sobre a autorização do Poder Executivo de Itaguaí, através da Secretaria Municipal de Educação, a filiar se como associado da Associação Civil sem Fins Lucrativos União dos Dirigentes Municipais de Educação do Rio de Janeiro – UNDIME – RJ, e a pagar as respectivas anuidades. A proposta, de autoria do Poder Executivo, foi aprovada por unanimidade.

Na Ordem do Dia haviam 19 Indicações que solicitam ações como a viabilização do Espaço Mame, que seria um ambulatório de follow-up e aleitamento materno; a construção de uma calçada ligando o trevo do Mazomba ao supermercado Guanabara, na RJ 099; manutenção de infraestrutura como: saneamento, iluminação, recapeamento, drenagem e sinalização; retirada de entulho; manutenção de praças; reparo para melhor escoamento da água da pista de skate no bairro Santana; construção de um quadra de areia na praça do Engenho; retorno na coleta de lixo na rua lateral Segundo (rua do Sítio do Fabiano), no bairro Santa Cândida; limpeza nas praias de Coroa Grande e Vila Geni, entre outras.

Quatro projetos tiveram os pareceres de comissões permanentes votados. Da Comissão de Constituição Justiça e Redação (CCJR) foram três e da Comissão de Educação e Cultura (CEC) foi somente um. Todos os pareceres foram constitucionais e favoráveis O entendimento das comissões foi acompanhado pelo plenário que aprovou os pareceres por unanimidade. Foram eles:

  • Parecer CCJR: Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo que institui o programa especial de Regularização Fiscal;
  • Parecer CCJR: Projeto de Lei de autoria do vereador Jocimar do Cartório que autoriza a abertura de frente de trabalho, celebração de convênios, contratos e parcerias em época de defeso;
  • Parecer CCJR: Projeto de Lei de autoria do vereador Fábio Rocha que dispõe sobre a criação de cursos de formação para trabalhadores que atuem nas atividades de coleta seletiva de lixo e de aproveitamento de materiais recicláveis no âmbito do Município de Itaguaí; 
  • Parecer CEC: Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo que altera e revoga artigos da Lei nº 3.656 de 21 de junho de 2018, que estabelece normas para a utilização do Teatro Municipal Marilu Moreira;

A próxima sessão foi marcada para quinta-feira (16) às 14h.

registrado em:
Fim do conteúdo da página