Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Eventos > Auditoria Pública da Saúde
Início do conteúdo da página

Auditoria Pública da Saúde

Publicado: Sexta, 06 de Outubro de 2017, 15h10 | Última atualização em Sexta, 06 de Outubro de 2017, 15h10 | Acessos: 29
imagem sem descrição.

A Câmara Municipal de Itaguaí recebeu em seu plenário na manhã do dia 29 de setembro a Auditoria Pública de prestação de contas do 2º Quadrimestre do ano de 2017 da Secretaria Municipal de Saúde.

A auditoria foi conduzida por Dulce Maria de Souza Inouie, do Planejamento e Desenvolvimento em Saúde, e pelo Secretário Municipal de Saúde, Carlos José Guimarães Graça. 

Entre as informações apresentadas estavam os dados do transporte sanitário, os serviços encaminhados para fora do município, atenção básica, serviço de atendimento domiciliar, e programa de hipertensão e diabetes, só para citar alguns.

A apresentação sobre hipertensão e diabetes foi uma das que mais teve participação da plateia. Munícipes interpelaram o secretário municipal buscando informações sobre as tiras reagentes.

Segundo os dados apresentados, no 2º quadrimestre deste ano foram atendidos 872 paciente insulinodependentes. A Unidade Básica de Saúde que atendeu o maior número de pacientes no programa de hipertensão e diabetes foi a UBS Califórnia, com o total de 1.037 atendimentos entre hipertensos, diabéticos e associados.

Outros dados apresentados foram do Programa do Idoso. Até o segundo quadrimestre 75 indivíduos participaram de atividades educativas promovidas pelo programa. Até agora foram realizadas 57 campanhas de promoção e prevenção, sendo 56 no 2º quadrimestre e apenas 1 no primeiro. Em se tratando da busca ativa, duas foram realizadas no primeiro quadrimestre, número que subiu para seis nesse segundo quadrimestre.

Em se tratando de procedimentos, vale alguns destaques. Atendimentos de urgência na atenção básica contabilizaram 1.430 casos, somando o primeiro e o segundo quadrimestre. As consultas médicas, também na atenção básica, somaram 59.564 casos. Foram realizados até agora um total de 2.226 curativos e 5.806 consultas de pré-natal. As visitas domiciliar também se destacou, comum total de 93.132 casos do início do ano para cá.

Centro de Especialidades Odontológico

Na auditoria pública da saúde também foram apresentados dados referentes a odontologia. Em termos de primeira consulta odontológica programática, foram realizadas 43 no primeiro quadrimestre e 76 no segundo. O maior número, no entanto, é de procedimentos. Foram realizados 314 no primeiro quadrimestre e 2.156 no segundo, totalizando 2.470 procedimentos realizados até agora. Os dados de próteses coronárias e intra-radiculares são de nove no primeiro, e 10 no segundo quadrimestre.

Saúde mental

Na área de saúde mental os números apresentados também mostraram um crescimento em relação ao primeiro quadrimestre. Foram 251 acolhimentos diurnos de pacientes em Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) no primeiro quadrimestre, e 539 no segundo quadrimestre. Também foram realizados atendimentos familiares no CAPS, ao todo foram 39 casos. Já os atendimentos individuais contabilizaram 354 ao todo.

A apresentação do balanço e da Auditoria Pública da Saúde aconteceu conforme está previsto no artigo 36, Parágrafo 5º da Lei Complementar nº 141 de janeiro de 2012.

registrado em:
Fim do conteúdo da página