Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Eventos > 7ª Fórum Anual do Conselho Municipal do Idoso
Início do conteúdo da página

7ª Fórum Anual do Conselho Municipal do Idoso

Publicado: Quinta, 06 de Dezembro de 2018, 14h56 | Última atualização em Quinta, 06 de Dezembro de 2018, 14h56 | Acessos: 11
imagem sem descrição.

O plenário da Câmara Municipal de Itaguaí foi palco do 7ª Fórum Anual do Conselho Municipal do Idoso, realizado na manhã do dia 26 de setembro. Estiveram presente a Secretária Municipal de Assistência Social, Maria Izabel Lopes Ribeiro, o presidente da Comissão de Idosos da Câmara Municipal de Itaguaí, vereador Genildo Gandra (PDT), e a presidente do Conselho Municipal do Idoso, Roseli Gonzaga Silvares Feio.

Uma animada apresentação de uma coreografia de dança dos anos 60 realizada por idosos do Centro de Convivência da Terceira Idade (CCTI) animou os presentes. Logo após foram realizadas duas palestras. A primeira, cujo tema foi “Sexualidade é questão de saúde”, teve como palestrante a psicóloga e membro da Coordenação de Fóruns da Política Nacional do Idoso (COORDENAC), Delfina Maria Carvalho Simões. A palestrante falou sobre a importância de se cuidar, se amar, ter uma vida social, do pensamento positivo, e em como lidar com a sexualidade na terceira idade.

A segunda palestra teve como tema o “Benefício de Prestação Continuada”, com a assistente social e Perita Social do Juizado Especial Federal de Nova Iguaçu, Priscila Ribeiro Lima. O Benefício de Prestação Continuada (BPC) é um benefício da assistência social no Brasil, prestado pelo INSS. Consiste em uma renda de um salário-mínimo para idosos e deficientes que não possam se manter e não possam ser mantidos por suas famílias. A palestrante explicou como funciona o benefício, como adquirir, e ensinou como os idosos podem se proteger de tentativas de fraudes.

Após as duas palestra aconteceu mais uma exposição de dança, desta vez foi com a CIA de Dança Cristine Hamuche Monteiro, que fez duas apresentações de dança cigana.

A vice-presidente do Conselho Municipal do Idoso, Claudia Alves de Mendonça de Lima, contou que a finalidade do Fórum é levar informações e conhecimento à população.

— Nosso objetivo é contribuir com o processo de envelhecimento, para que os idosos envelheçam se empoderando de seus direitos e das capacidades que eles ainda tem, e que algumas vezes, podem estar adormecidas — disse a vice-presidente, que destacou ainda que contribuir para um envelhecimento saudável não quer dizer só atividade física, mas também qualidade de vida como um todo, passando pela necessidade de socialização.

O plenário da Câmara Municipal de Itaguaí foi palco do 7ª Fórum Anual do Conselho Municipal do Idoso, realizado na manhã do dia 26 de setembro. Estiveram presente a Secretária Municipal de Assistência Social, Maria Izabel Lopes Ribeiro, o presidente da Comissão de Idosos da Câmara Municipal de Itaguaí, vereador Genildo Gandra (PDT), e a presidente do Conselho Municipal do Idoso, Roseli Gonzaga Silvares Feio.

Uma animada apresentação de uma coreografia de dança dos anos 60 realizada por idosos do Centro de Convivência da Terceira Idade (CCTI) animou os presentes. Logo após foram realizadas duas palestras. A primeira, cujo tema foi “Sexualidade é questão de saúde”, teve como palestrante a psicóloga e membro da Coordenação de Fóruns da Política Nacional do Idoso (COORDENAC), Delfina Maria Carvalho Simões. A palestrante falou sobre a importância de se cuidar, se amar, ter uma vida social, do pensamento positivo, e em como lidar com a sexualidade na terceira idade.

A segunda palestra teve como tema o “Benefício de Prestação Continuada”, com a assistente social e Perita Social do Juizado Especial Federal de Nova Iguaçu, Priscila Ribeiro Lima. O Benefício de Prestação Continuada (BPC) é um benefício da assistência social no Brasil, prestado pelo INSS. Consiste em uma renda de um salário-mínimo para idosos e deficientes que não possam se manter e não possam ser mantidos por suas famílias. A palestrante explicou como funciona o benefício, como adquirir, e ensinou como os idosos podem se proteger de tentativas de fraudes.

Após as duas palestra aconteceu mais uma exposição de dança, desta vez foi com a CIA de Dança Cristine Hamuche Monteiro, que fez duas apresentações de dança cigana.

A vice-presidente do Conselho Municipal do Idoso, Claudia Alves de Mendonça de Lima, contou que a finalidade do Fórum é levar informações e conhecimento à população.

— Nosso objetivo é contribuir com o processo de envelhecimento, para que os idosos envelheçam se empoderando de seus direitos e das capacidades que eles ainda tem, e que algumas vezes, podem estar adormecidas — disse a vice-presidente, que destacou ainda que contribuir para um envelhecimento saudável não quer dizer só atividade física, mas também qualidade de vida como um todo, passando pela necessidade de socialização.

registrado em:
Fim do conteúdo da página