Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Conselho de Segurança Pública se reúne na CMI

Publicado: Quinta, 09 de Março de 2017, 17h19 | Última atualização em Quinta, 09 de Março de 2017, 17h19 | Acessos: 279
imagem sem descrição.

Na última quarta-feira (08) o plenário da Câmara Municipal de Itaguaí recebeu a reunião do Conselho Municipal de Segurança Pública. Estiveram presentes os vereadores Gil Torres (PTN), presidente da Comissão de Segurança Pública da Câmara, e André Amorim (PR), que também é membro da Comissão. Entre as autoridades policiais estavam o Tenente Coronel Souza, comandante do 24ª Batalhão da Polícia Militar; o Delegado Jorge Zahra, da 50ª DP; o Capitão Caldas, comandante da 5ª Companhia; Major Eider, sub comandante do 24ª BPM; o Agente Especial Carlos, da Polícia Federal; Sargento Ricardo, do Grupamento Tático Ostensivo (GTO); Airton Valois, advogado; e Fatima Cristina Freire, da Guarda Municipal.
Além das autoridades, alguns moradores de diversos bairros, como Coroa Grande e Parque Primavera, estiveram presentes levando as demandas da comunidade.
O presidente do Conselho de Segurança, Sergio Luis Freitas, falou sobre a migração de criminosos oriundos do município do Rio de Janeiro, e em como isso aumenta a mancha criminal em Itaguaí.
Capitão Caldas, comandante da 5ª CIA, destacou o bom andamento da segurança durante o período de carnaval, que teve apenas pequenos delitos. Caldas também comentou sobre os bandidos que vem fazer o “shopping” em Itaguaí, jargão policial utilizado para bandidos de fora que realizam roubos em outros lugares. O comandante da 5ª CIA também comentou a ação que terminou com a morte de um suspeito tido como “dono do Carvão”. O Capitão explicou que a ação foi fruto de uma ação de inteligência e planejamento.
Sobre os desafios que a polícia enfrenta devido à crise do Estado, Capitão Caldas comentou que o principal desafio é conseguir prover uma segurança de qualidade para a população com os recursos escassos disponíveis.
— Tem a questão de efetivo, a questão das viaturas. Nós temos uma grande dificuldade quando uma viatura quebra, a gente fica com dificuldade de reposição. Hoje nosso grande desafio é prover a qualidade de segurança que a população de Itaguaí deseja e merece, e conciliar com esses recursos escassos que nós temos — comentou.
Sergio Luis Freitas, presidente do conselho, falou sobre a importância da população realizar os Boletins de Ocorrência (BO) e estar presente nas reuniões da Comissão de Segurança Pública, que é aberta ao público e acontece toda segunda quarta-feira do mês.
— É muito importante que as pessoas façam as denúncias e os Boletins de ocorrência. A nível de estatística, é o único meio que o estado tem de deslocar mais policiais e mais viaturas. Muitas das vezes a população não tem acesso direto a um comandante ou a um delegado, e aqui é onde ele tem voz. Então, essa é uma das funções do conselho, para que a população possa cobrar providências — esclareceu.


Vereadores participaram da reunião
Um fato destacado durante a reunião do Conselho foi a importância da presença dos vereadores Gil Torres e André Amorim, enquanto Comissão de Segurança e parlamentares.
Gil Torres se colocou à disposição para ajudar no que for preciso e comentou a importância de estar presente para ouvir o que a população tem a dizer, pois segundo ele, ninguém melhor do que a população para saber a necessidade e do que realmente está precisando na área de segurança.
— A gente quer escutar a população, e eu acho que a sua palavra vale muito. Temos que ouvir para tentar atender. A nossa participação é muito importante para a gente coletar a demanda do que eles precisam, e tentar passar para o Executivo. E o governo, por sua vez, executar e a gente fiscalizar. É um trabalho em conjunto — definiu o vereador.

registrado em:
Fim do conteúdo da página